BLOG FECHADO

11
Abr 08

«Boas.» disse ele.

O Jonas estava sério, mais sério que o habitual. Eu nunca o havia visto assim naquelas duas semanas em que tínhamos vindo a falar.

Estava triste, de cabeça baixa e muito pálido, parecia que toda a vida havia sido sugada do seu corpo alto e esguio.

Aproximei-me dele num andar curto e meio nervoso, à medida que lhe perguntava o que se passava.

«Não estou bem, mais nada.»

Foi esta a resposta que obti.

«Desculpa, Jonas, mas não vou aceitar essa resposta. Eu já percebi que não estás bem. O que é que aconteceu?»

«Nada, nada. Parvoíces. Os meus momentos mórbidos, só isso.»

«Conta.»

Segui-se um período de silêncio tenso e incomodativo. Eu já havia percebido que o Jonas me tinha alguma coisa para contar há algum tempo, mas que nunca reunira a coragem necessária para o fazer.

«Eu não quero que fiques com uma má imagem minha.»

«Não vou ficar.» respondi.

Ele olhou-me bem fundo nos olhos e, enchendo o peito de ar, soltou a frase mais horrenda que já ouvi:

«Eu tenho anorexia extrema.»

 

Senti-me gelada por dentro, exasperada e horrificada.

Os seus olhos estavam inundados de lágrimas gordas e pesadas. Mas ele não chorou, manteve-se forte enquanto me contava aqueles factos tão tristes da vida.

Eu sim, chorei.

«Eu percebo-te...» disse eu «Também passei por momentos maus. Mas, sabes, uma coisa que eu aprendi em todos esses momentos é que as coisas más da vida ajudam-nos a perceber as coisas perfeitas que temos. O teu problema, com muito empenho e dedicação, com muita força de vontade, pode ser resolvido e aí sim, vais ver que estás rodeado de pessoas que te adoram e que te ajudam e que tudo é melhor do que tu vias.»

Ele tornou os lábios finos num sorriso ténue.

«Obrigado.»

E abraçou-me.

Até a um próximo post,

Joana F.

publicado por Katerina K. às 19:19

Pobre Jonas. :( Mas sabes, acho que ele tem sorte em te ter por aí, foi um bom conselho, o que lhe deste. às vezes, quando nos sentimos mal, há certas palavras que caem no vazio mas outras que parecem ter tanto significado que acabamos por ficar com elas mais perto da nossa razão do que aquilo que, à partida, julgávamos.
és uma boa amiga, minha querida. espero que tudo fique bem com o jonas.

beijinho***

Liliana

O Jonas é forte, sei que ele vai ultrapassar esta crise. O meu medo são as coisas que ele vai passar até as coisas realmente melhorarem. Espero que ele se segure bem ao que tem, e espero que saiba que eu estou sempre lá para ele.

Beijo*

A tua presença e o teu amor é fundamental para a recuperação do Jonas.Se Deus quiser tudo ficará bem!
Beijocas
InêsCabral a 14 de Abril de 2008 às 21:52

Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

15
17
18
19

20
22
24
25

27
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

RSS
arquivos
A Banda Sonora dos Rascunhos


MusicPlaylist
Music Playlist at MixPod.com

mais sobre mim
pesquisar
 
favoritos

#5

blogs SAPO